.: Vizinhança do Chaves :. DEFINITIVAMENTE CHESPIRITO. Chaves e Chapolin

O portal sobre Chespirito mais atualizado do Brasil

Opinião: Seu Madruga e sua popularidade entre os brasileiros

Como um sucesso de um personagem pode ser medido entre o público? Essa é a pergunta de muitos profissionais especializados em publicidade. Mas e se perguntássemos a eles: Um personagem simplório, de um programa igualmente simples, pode fazer sucesso? O mais óbvio é não, mas na realidade pode ser um sucesso sim. É isso que acontece com o Seu Madruga, personagem interpretado por Ramón Valdés em “Chaves”.

Seu Madruga é um sujeito preguiçoso, sem grandes formações. Um tanto semelhante com Peter Pan, Madruga parece que ainda tem a alma de uma criança, visto que, por diversas vezes se envolve nas confusões e brincadeiras das crianças da vila. Talvez por esse “jeitão”, que Seu Madruga é tão querido e estimado por nós, brasileiros. É um personagem muito puro, que mesmo com dificuldades, consegue levar a vida pelo lado amável.

São camisetas, imagens, bonecos, enfim uma enormidade de “homenagens” feitas por brasileiros ao personagem. Frases se tornaram extremamente populares como a clássica “A vingança nunca é plena, mata a alma e envenena” e “O trabalho não é ruim. Ruim é ter de trabalhar”. Montagens surgem aos montes nas redes sociais da internet, principalmente no Facebook.

AS MIL E UMA FACES DE SEU MADRUGA

Diversos exemplos de montagens com Seu Madruga. Na internet, ele é músico, ator de Hollywood, símbolo de produtos e até mesmo jogador de futebol… É venerado como uma espécie de “Deus” por muitos. Blogs inteiros sobre o personagem. Montagens rolam pela internet com a cara de Seu Madruga. O personagem é até objeto de estudos! Sem dúvida, é um dos maiores fenônemos já vistos em questão de popularidade no nosso país.

As mil e uma faces de Seu Madruga rolam pela internet. Nesta, é feita uma paródia do filme “Duro de Matar”.

Seu Madruga também virou livro, “Seu Madruga – Vila e Obra”, do jornalista Pablo Kaschner, lançado pela Editora Mirabolante em 2010. Segue a sinopse: “Quem é Seu Madruga? Uma pergunta, muitas respostas. Fotógrafo, pedreiro, boxeador, toureiro? Um malandro sem um centavo no bolso que sempre traz no rosto um sorriso franco e espontâneo? Um sujeito mal humorado e resmungão, mas, no fundo, no fundo, dono de um bondoso coração? Ou tudo isso e muito mais? Ao longo de 14 capítulos que vão sendo “quitados”, numa tentativa de ajudar Seu Madruga a pagar os eternos 14 meses de aluguel, você irá se transformar em um profundo conhecedor desta figura impagável que, vai ver por isso, tinha certa dificuldade para pagar as contas. Seu Madruga – Vila e Obra presta homenagem a este personagem que, mesmo devedor confesso e trambiqueiro inveterado, conquistou o púbico graças tão somente ao seu carisma. Sua imagem talvez só não seja mais reproduzida em camisas que a de Che Guevara. Um verdadeiro ícone pop! Filósofo de doutrina bem particular, os ensinamentos deste velho lobo do mar estão na ponta da língua de crianças, jovens, adultos e idosos. Quem não concorda que “a vingança nunca é plena; mata a alma e a envenena”? Ainda que nem sempre suas atitudes condigam com seu discurso (sim, ele é humano! Sagradas são as dívidas), Seu Madruga provou morar não só no 72; mas no coração de milhares, milhões de fãs.”


A DUBLAGEM QUE CONTRIBUI PARA O SUCESSO


Chaves foi dublado no Brasil pela dubladora Maga, sob o comando de Marcelo Gastaldi, a voz de Chespirito, e que funcionava dentro dos estúdios da então TVS, na Vila Guilherme. “Maga”, como era conhecido Marcelo, escolheu a dedo um por um dos dubladores do seriado.E nisso entrou o dublador Carlos Seidl, para fazer a voz do inicial “Seu Ramón”, em seguida virando “Seu Madruga”, que tem esse nome muito provalvelmente dado por Maga.

Ao contrário da voz original de Ramón Valdés que era alta e grave,Seidl deu um tom suave e calmo para o personagem, que felizmente casou muito bem com o perfil do personagem. Sua voz marcou e ajudou o sucesso do personagem. Carlos Seidl continuou dublando o personagem na Maga e depois para os boxes de DVDs lançados pela empresa Amazonas Filmes, com episódios redublados no Studio Gábia com boa parte do elenco original e apoio do Fã-Clube Chespirito Brasil.

Mas como nem tudo são flores, Carlos Seidl não dublará mais o personagem em redublagem de episódios feita pelo SBT em 2012. O dublador não aceitou o contrato feito pelo SBT, que previa mudanças nos direitos conexos. E assim, Seidl foi descartado para a dublagem do personagem, que atualmente ainda não tem dublador definido.

Por Seu Furtado

Anúncios

2 Comentários

    Trackbacks

    1. Um episódio, várias lições « .: Vizinhança do Chaves :. O portal sobre Chespirito mais atualizado do Brasil – Chaves e Chapolin
    2. Erro no episódio “A explosão do Nhonho” « .: Vizinhança do Chaves :. O portal sobre Chespirito mais atualizado do Brasil – Chaves e Chapolin

    Deixe um comentário

    Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

    Logotipo do WordPress.com

    Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

    Imagem do Twitter

    Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

    Foto do Facebook

    Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

    Foto do Google+

    Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

    Conectando a %s

    %d blogueiros gostam disto: