.: Vizinhança do Chaves :. DEFINITIVAMENTE CHESPIRITO. Chaves e Chapolin

O portal sobre Chespirito mais atualizado do Brasil

Papo Chavesmaníaco: Entrevista exclusiva com Sandra Mara Azevedo

Pela primeira vez na internet, o Vizinhança do Chaves entrevista a primeira dubladora de Maria Antonieta de Las Nieves, a Sandra Mara Azevedo! Confira:

01 – Cite o seu nome completo, local e data de nascimento.

R: Meu nome é Sandra Mara Azevedo, sou natural de São Paulo.

02 – Como foram as primeiras dublagens de Chaves quando você ainda dublava a Chiquinha com o nome de “Francisquinha”? Quando foi exatamente que começaram a dublar aquela primeira leva de episódios?

R: Não tenho na memória as datas certas, muitos fãs do seriado dizem tantas datas que sinceramente não sei. Foi nos anos 80. Não sabíamos que o seriado seria o sucesso em que se tornou, então nosso compromisso eram com uma dublagem de qualidade e que refletisse o quanto estavamos nos divertindo com esses personagens, por isso, mudávamos o texto o quanto achávamos bom e o quanto fosse necessário para que os personagens, apesar de gesticular em espanhol, falassem o portugues mais próximo de todos possível. Era muito engraçado e prazeroso o trabalho!

03 – Conte-nos um pouco sobre o convívio entre os dubladores de Chaves nessa época. Ainda tem contato com todos que estão aí ou não? Tinha ou tem mais amizade com alguém em especial?

R: Nosso relacionamento era ótimo! Aliás sempre foi. Devo dizer que eu tinha e tenho mais afinidade com o Carlos Seidl, o Osmiro Campos, com a Marta Volpiani e com o proprio Marcelo Gastaldi que era o diretor da dublagem com o qual eu mais trabalhei!

04 – Obviamente, para ser um dublador, tem de ser, primeiramente, ator. Como anda esse seu lado artístico, de atriz? Anda fazendo peças ou ainda trabalhos no cinema ou na televisão?

R: No momento não tenho como ir atrás desta outra faceta do meu trabalho porque sou coordenadora numa produtora de dublagem e o meu tempo é totalmente tomado com isto.

05 – Quem você mais gostou de dublar? Chiquinha ou Dona Neves?

R: Adoro dublar as duas. Elas são complementares e ao mesmo tempo, bem diferentes, então é um desafio, e eu adoro desafios.

06 – Você gostaria de conhecer a atriz María Antonieta de Las Nieves?

R: Ela é uma atriz fantástica, eu adoro o trabalho dela!

07 – Em meados da década de 80, você foi para o exterior estudar, e deixou os personagens de Maria Antonieta com a dubladora Cecília Lemes. O que foi fazer na Itália? Acha que foi bem substituida por Cecília? Gostaria de ter voltado a dublar ainda na Maga?

R: É funcional na dublagem que quando alguem está impedido de fazer aquele determinado personagem, algum colega imitar para em respeito ao publico o trabalho continuar, então fui estudar e ver o mundo, não tenho do que lamentar.

08 – Pratica algum esporte? Tem algum hobby?

R: Minha paixão é a bicicleta. Meu esporte favorito.

09 – Na época em que Gastaldi morreu, você ficou sabendo? Se sim, qual foi a sua reação?

R: Não fiquei sabendo, mas quando retornei ao Brasil e soube, fiquei muito triste e chateada. Eu gostava muito dele, tenho ótimas recordações do nosso convivio no trabalho.

10 – Como foi dublar uma Maria Antonieta mais velha no Programa Chespirito, na BKS e depois, na Parisi Vídeo? Por que o programa trocou de estúdio no meio dos trabalhos? Como foi trabalhar com outros dubladores experientes, mas diferentes dos originais como Sidney Lilla e Sérgio Galvão?

R: Sergio Galvão é um querido com o qual fiz vários trabalhos inesquecíveis, inclusive televisão, portanto eu estava fazendo o que gosto com amigos queridos. O que mais eu ia querer?

11 – Infelizmente, você não é tão lembrada (principalmente pelo SBT) por ser a primeira dubladora da Chiquinha e de Dona Neves. Mesmo assim, o Fã-Clube Chespirito Brasil a convida para diversos eventos. Você gostaria de ser mais citada e lembrada ou não vê problema algum nisso?

R: Tenho fãs que viraram amigos que eu frequento, então esse é o maior presente que este seriado poderia me dar. Amizades que vão durar a minha vida toda e que indifere de como nos conhecemos.

12 – Além de Chaves e Chapolin, ao longo da década de 80, você dublou diversos personagens para novelas da Televisa, desenhos e séries importadas pelo SBT. Qual foi o trabalho mais marcante, fora os personagens de Maria Antonieta?

R: Fiz vários trabalhos marcantes naquela época, e dentre eles destaco a “Chispita”, novela que fez um tremendo sucesso e eu dublava a própria, e o “Snoopy”, do mesmo periodo e com um legião de fãs até hoje; e menos importante porque não muita gente se recorda, mas muito gostoso de dublar pra mim foi a Luluzinha!

13 – Ainda assiste quando pode alguma série de Chespirito?

R: Vejo quando posso, porque me diverte muito!

14 – Como foi a sensação de dublar novamente Maria Antonieta de Las Níeves na novela Sonhos e Caramelos, exibida pela CNT em 2008 e dublada pela BKS?

R: A novela não era boa, então foi mais um trabalho.

15 – Recentemente, você foi a diretora de dublagem de um documentário sobre Chespirito exibido pelo canal Biography Channel. Alguns fãs reclamaram de algumas escalações diferentes, como na voz de Rubén Aguirre, onde o dublador original, Osmiro Campos, não participou? Por quê algumas alterações? Como foi o trabalho? Gostou de ver novamente o “Chaves” na sua frente?

R: O documentário foi feito da forma profissional e contando com os procedimentos habituais na dublagem.

16 – Estamos chegando ao final desta entrevista, você gostou de nossas perguntas? Para finalizar, deixe uma mensagem aos fãs de Chespirito.

R: Tento ser disponivel para os fãs porque sou muito agradecida pelo carinho que todos me demonstram, então sou uma pessoa de sorte, feliz por saber que tem tanta gente que não me conhece, mas aprecia a minha pessoa por causa do meu trabalho. Muito obrigada a todos vocês e a você pelo interesse!

Por Seu Furtado

Anúncios

7 Comentários

  1. Alberto

    excelnte

  2. FabrYuki

    poxa a sandra foi a primeira dublaaodra da chiquinha, eu confesso que fui me tocar agora com a entrevista, pois o timbre da sandra e da cecilia sao bem parecidos, tipo se pegar as vozes do pedro alcantara, do tiago kelpemr ainda bem novo, do mateus ferreira, daniel figueira, separadamente da prater uma confusão, bem , mas agora ja sei, e também sja a sandra ou a cecilia sao otimas dubladoras, sao das vozes mais marcantes que ja ouvi, assim como também fatima noya e miriam fisher, sao maravilhosas.

Trackbacks

  1. Resposta Dobrada: Vinícius Maux e VINICIUS-CH « .: Vizinhança do Chaves :. O portal sobre Chespirito mais atualizado do Brasil – Chaves e Chapolin
  2. Retrospectiva “Vizinhança do Chaves – Um Ano!” « .: Vizinhança do Chaves :. O portal sobre Chespirito mais atualizado do Brasil – Chaves e Chapolin
  3. Marcelo Gastaldi: o héroi, a lenda! | .: Vizinhança do Chaves :. O portal sobre Chespirito mais atualizado do Brasil - Chaves e Chapolin
  4. Fórum Chaves entrevista Maria Antonieta de las Nieves | .: Vizinhança do Chaves :. DEFINITIVAMENTE CHESPIRITO. Chaves e Chapolin
  5. Conheça os novos dubladores do “Chaves” | .: Vizinhança do Chaves :. DEFINITIVAMENTE CHESPIRITO. Chaves e Chapolin

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: