.: Vizinhança do Chaves :. DEFINITIVAMENTE CHESPIRITO. Chaves e Chapolin

O portal sobre Chespirito mais atualizado do Brasil

Conversas Furtadas #04: “Enquanto tiverem um livro nas mãos…”

conversas furtadas

Na última semana, Rubén Aguirre anunciou o lançamento de seu livro “Después de usted”, com as memórias da sua trajetória ao lado de Chespirito. Dentro de algumas semanas, a obra será lançada no México pela Editora Planeta e também terá uma versão em língua portuguesa.

Vilson, conhecido como Marquês de Sade no Fórum Chaves, deu uma ideia muito interessante em um tópico: a enciclopédia CH. Antonio Felipe comentou que seu sonho é fazer uma obra do gênero. Riddle cogitou em transformar a lista de Episódios do fórum em uma versão física. São hipóteses.

Como obras já existentes, temos “Chaves – Foi sem querer querendo!”, “Chaves e Chapolin – Sigam-me os bons!”, “Chaves de um sucesso” e “Chaves – A história oficial ilustrada”. Também existem livros dedicados a personagens: “O Diário do Chaves” e “Seu Madruga: Vila e Obra”. Ainda há a biografia de Roberto Gómez Bolaños, não traduzida para o português, e “Sin querer queriendo – Memorias”.

livro4

Fonte: Reprodução

livro

Fonte: Reprodução

livro2

Fonte: Reprodução


Sete títulos. Entretanto, nenhum deles é o livro definitivo sobre o universo de Roberto Gómez Bolaños. Todos tem informações disponíveis há muito tempo na internet, trazendo pouca novidade aos fãs, que é o público majoritário dessas obras. Ainda que sejam obras bem-feitas, bem ilustradas e bem executadas, não constituem em uma “bíblia CH”.

Uma enciclopédia precisaria ser feita em três volumes: um para Chaves, outro para Chapolin e um último para Chespirito. Cada obra deveria ter um guia de episódios com todos os dados, sinopse, 1ª exibição no Brasil e lista de dubladores. No caso de Chespirito, também constariam os episódios dos anos 80, não exibidos pelo SBT/CNT.

Ensaios sobre as séries e entrevistas com os atores e dubladores ainda vivos seriam primordiais para o trabalho. Até hoje, os sites CH tem poucas informações sobre Potiguara Lopes, Cassiano Ricardo, Sérgio Galvão. Um eventual livro teria esses dados até hoje obscuros. Não temos registros fotográficos de Potiguara, por exemplo.

A Chespiritopédia, criada por Alvaro Olyntho para ser a enciclopédia CH digital fracassou, sendo hoje motivo de piada. Enfim, é esperar. Quem sabe esse projeto não se realiza? É ver para crer.

Por Seu Furtado

——————————

Leia as Conversas anteriores:

2005, o ano em que Chaves quase foi para a Globo

A filosofia de Chaves

Anúncios

1 comentário

    Trackbacks

    1. RETROSPECTIVA CH 2015: Janeiro | .: Vizinhança do Chaves :. DEFINITIVAMENTE CHESPIRITO. Chaves e Chapolin

    Deixe um comentário

    Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

    Logotipo do WordPress.com

    Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

    Imagem do Twitter

    Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

    Foto do Facebook

    Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

    Foto do Google+

    Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

    Conectando a %s

    %d blogueiros gostam disto: