.: Vizinhança do Chaves :. DEFINITIVAMENTE CHESPIRITO. Chaves e Chapolin

O portal sobre Chespirito mais atualizado do Brasil

Homenagem a Chespirito na Bolívia

1780875_610282822373117_2031644342_nUma mostra dedicada a Chespirito reúne uma série de obras de distintos criadores, que com sua arte, fazem uma homenagem ao humorista mexicano. A exposição foi aberta nesta quarta-feira (19) no Museu Plaza, na Bolívia.

Uma conversa de família inspirou Gloria Villanueva, administradora do repositório, a gestar esse empreendimento – batizado “Sem querer querendo” – em homenagem ao comediante mexicano Roberto Gómez Bolaños, mais conhecido como Chespirito.

“Minha filha coordena os eventos musicais no museu. Ela me disse: ‘Por que não fazemos uma homenagem ao Chaves?’. Nós vimos que em 21 de fevereiro, Chespirito completava 85 anos”, indicou.

Para a mostra, estenderam um convite aberto aos artistas para que apresentem suas obras. Assim, além de pinturas, instalações referentes a Chaves tocam música para os visitantes.

“Nós temos um barril, como o do Chaves, que lembra a vizinhança”, disse Villanueva. Muitos estudantes de artes participaram e a Embaixada do México aderiu à iniciativa.

“Não pensávamos que esta ideia ia ser tão grande e que ia ter repercussão a nível internacional”, acrescentou a organizadora. “Chamamos Ana Paola Lorberg, ganhadora do concurso de experts sobre Chespirito no México. Ela é boliviana e nos disse que como fanática queria participar da mostra e que podíamos contar com a coleção de lembranças originais dos personagens”.

Através dela, surgiu a chamada telefônica de Luis Jorge Arnau, presidente do Grupo Chespirito, para oferecer e fazer com que o mundo tomasse conhecimento do evento.

Desde a inauguração, a mostra se coloca longe dos convencionalismos. A música está a cargo de Eduardo Burgo e o Ballet Bafobol, de Leonardo Acosta. “Vamos ter sanduíches de presunto e refrescos, tão característicos do Chaves, que sempre se parece”, expressou Villanueva.

Para poder oferecer as águas de Jamaica, os organizadores recorreram aos amigos do México que fizeram o favor de mandar-lhe-as. “Tudo foi se armando para que seja uma mostra memorável e diferente”.

Devido ao interesse que a mostra despertou, na inauguração só se poderia entrar com convite. No entanto, nesta quinta-feira (20), o ingresso para a obra já era livre para todos os fãs de Chespirito.

Fonte: chavodel8.com

Tradução: Rodrigo370

Anúncios

3 Comentários

    Trackbacks

    1. rascunho – Retrospectiva CH 2014: FEVEREIRO | .: Vizinhança do Chaves :. DEFINITIVAMENTE CHESPIRITO. Chaves e Chapolin
    2. Retrospectiva CH 2014: FEVEREIRO | .: Vizinhança do Chaves :. DEFINITIVAMENTE CHESPIRITO. Chaves e Chapolin
    3. Roberto Gómez Bolaños, Chespirito, falecia há um ano | .: Vizinhança do Chaves :. DEFINITIVAMENTE CHESPIRITO. Chaves e Chapolin

    Deixe um comentário

    Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

    Logotipo do WordPress.com

    Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

    Foto do Google

    Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

    Imagem do Twitter

    Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

    Foto do Facebook

    Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

    Conectando a %s

    %d blogueiros gostam disto: