.: Vizinhança do Chaves :. DEFINITIVAMENTE CHESPIRITO. Chaves e Chapolin

O portal sobre Chespirito mais atualizado do Brasil

Gustavo Berriel: “CH é a minha escola. Então, é parte de mim”

Conversa com  Gustavo Berriel, finalista do “Maior chavesmaníaco da internet”.

Esta é a última semana em que está aberta a votação “O maior chavesmaníaco da internet“, levantamento encabeçado pelo Vizinhança do Chaves. Caso você ainda não participou, ainda dá tempo de escolher o campeão até as 23h do dia 07/07, nesta postagem. A última fase consta de cinco finalistas (escolhidos pelos votantes em duas etapas anteriores). Até que o nome do vencedor seja revelado, publicarei uma conversa rápida com cada um dos cinco finalistas, de terça a sábado às 15h30.  Domingo ou segunda-feira serão publicados os resultados.

E hoje temos o prazer de conversar com Gustavo Berriel, nome bastante conhecido pelos chavesmaníacos. Ele é o dublador do Nhonho e do Seu Barriga no desenho do Chaves. Também dublou Jaiminho em DVDs lançados pela Amazonas Filmes. Na internet, ele participa quando possível dos fóruns e é o fundador do Fã-Clube Chespirito Brasil. O fã-clube foi fundado em 2002. Ele também adaptou textos da versão animada do Chaves até a quinta temporada e mantem um blog, o Blog do Berry.

Nesta votação, ele obteve 16 indicações na primeira fase e 10 votos na segunda, ficando assim em terceiro lugar na primeira fase e como um dos cinco finalistas.

01. Conte um pouco sobre sua relação com o “meio CH”
Gustavo Berriel:
 Minha relação com o meio CH é antiga, do tempo pretérito… ou pré-histórico rs. Bom, eu tenho internet desde 1998 e naquela época não era Google, era Cadê e AltaVista… Foi assim que eu busquei as primeiras informações sobre os atores, em sites estrangeiros. Eram só 2 ou 3 sites brasileiros falando de Chaves e Chapolin. Eu sempre fui fã das séries, mas fiquei louco de paixão mesmo quando foi exibido o programa Chespirito na CNT. Comecei escrevendo conteúdos para o site Cleotais, depois para o antigo FCBCC do Felipe Betschart. Então eu criei uma lista de discussão para unificar todos os fãs via e-mail. Esse era o meu plano, queria uma lista única para que todos os fãs pudessem se comunicar. Não existiam as redes sociais. Era só por email. E eu chamei essa lista de fã-clube. Os primeiros encontros pessoais, fora do mundo virtual, foram marcados nessa lista, que existe até hoje, no googlegroups. A lista já existia quando nós fundamos oficialmente o FC Chespirito Brasil em 2002, sendo eu o presidente. Nessa época eu já era colunista muito lido e reconhecido no meio, passando por vários sites, principalmente o Tributo a Chespirito, do Bruno Pires e O Mundo Chavesmaníaco, do Felipe Reina. Os chamados EBVs foram criados pelo Lippe em SP. Depois veio o primeiro evento CH, que produzi na UERJ, em 2004. Então eu sempre vivi esse meio, desde o começo. Foi criado por mim e outros fãs nascidos nos anos 80.

02. Qual grau de relevância você dá ao levantamento “O Maior Chavesmaníaco da Internet”?
GB:  Acho muito legal e válido esse reconhecimento, mas talvez precise ser mais bem datado. Hoje, o maior chavesmaníaco da internet eu sei que não sou eu, mas sei que, pela minha contribuição, fico feliz ao ser lembrado como um dos grandes chavesmaníacos do Brasil, pois isso é verdade, sei que já fiz muito e a história da minha vida se confunde com isso. Mas há muitos grandes fãs. Há os mais especializados em textos, outros em edição de vídeos, outros em listas de episódios, outros em acervo/coleção etc. Cada um tem sua função. Não sei se existe O melhor chavesmaníaco, mas é sempre bom incentivar o trabalho de todos com esse reconhecimento.

03. O que você tem a dizer sobre os demais indicados: Antonio Felipe, Valette Negro, Fabão e Thomas Henrique?
GB: 
São justas indicações. Em termos de organização e levantamento de episódios, o mais perfeito foi o Thomas, seguido pelo Valette, que sempre foi meu braço direito nos eventos e hoje lidera o FC. Além disso ele contribui com maravilhosos textos. Eu o considero uma enciclopédia viva, eu sou meio confuso, desorganizado, então toda vez que tenho uma dúvida sobre um detalhe, o Valette me esclarece, com suas fontes infalíveis e sua memória de elefante. O Fabão é outro, é aquele que sempre vem com alguma informação extra que ninguém sabia, nem o Bolaños rs. O Antonio Felipe eu considero, hoje, o maior chavesmaníaco da Internet, porque ele renovou a chavesmania no Brasil, adaptando tudo às novas mídias, e conquistou como ninguém as redes sociais.

04. Como você vê o “meio CH” no futuro? Acha que estará presente nele?
GB:
 O futuro propriamente dito não existe, sempre teremos um presente. Será das gerações futuras, porque Chaves vai continuar firme e forte, seja na TV ou nos canais da Internet e novas mídias que estão por vir. Sempre me vejo presente, porque sou fã e jamais deixarei de ser. Já vi amigos meus mais velhos que sumiram, fecharam um ciclo e deixaram para trás, de uma maneira forçada. Não vejo as coisas assim. Claro que já não participo como antes, pois nossa vida nos leva a outros compromissos e a outras conquistas. Mas a minha essência não vai mudar com o passar dos anos, até porque adotei a Filosofia Jovem Ainda. Eu acredito nisso pra valer rs. Chespirito é minha maior inspiração artística. Eu trabalho como ator e escritor/roteirista e CH é a minha escola. Então, é parte de mim.

Desde já, obrigado pela atenção.
GB: Grande abraço a todos do Berry, aproveito para divulgar minha nova página, curtam e divulguem se puderem… Valeu! https://www.facebook.com/gusberriel

 

 

Anúncios

11 Comentários

  1. VPEREIRA

    BERRIEL ,O CARA

Trackbacks

  1. Fabão: “O meio CH ainda tem lenha para queimar, mas em algum momento começará a encolher” | .: Vizinhança do Chaves :. O portal sobre Chespirito mais atualizado do Brasil - Chaves e Chapolin
  2. Valette Negro: “Tentarei educar meus futuros filhos nos fóruns CH e com os episódios [das séries]“ | .: Vizinhança do Chaves :. O portal sobre Chespirito mais atualizado do Brasil - Chaves e Chapolin
  3. Antonio Felipe: “Sem mim, o meio CH como é hoje não existiria” | .: Vizinhança do Chaves :. O portal sobre Chespirito mais atualizado do Brasil - Chaves e Chapolin
  4. Thomas Henrique foi o maior Chavesmaníaco da Internet! | .: Vizinhança do Chaves :. O portal sobre Chespirito mais atualizado do Brasil - Chaves e Chapolin
  5. Antonio Felipe lança livro com ideia inédita e pretende seguir na carreira | .: Vizinhança do Chaves :. O portal sobre Chespirito mais atualizado do Brasil - Chaves e Chapolin
  6. É hoje o show do Sr. Barriga em Porto Alegre! | .: Vizinhança do Chaves :. O portal sobre Chespirito mais atualizado do Brasil - Chaves e Chapolin
  7. É hoje o show do Sr. Barriga em Caxias do Sul! | .: Vizinhança do Chaves :. O portal sobre Chespirito mais atualizado do Brasil - Chaves e Chapolin
  8. RETROSPECTIVA CH 2013: Julho | .: Vizinhança do Chaves :. DEFINITIVAMENTE CHESPIRITO. Chaves e Chapolin
  9. Conheça os novos dubladores do “Chaves” | .: Vizinhança do Chaves :. DEFINITIVAMENTE CHESPIRITO. Chaves e Chapolin
  10. Exclusivo: entrevista com Vinicius Souza (ViniCuca), o novo dublador do Quico | .: Vizinhança do Chaves :. DEFINITIVAMENTE CHESPIRITO. Chaves e Chapolin

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: