.: Vizinhança do Chaves :. DEFINITIVAMENTE CHESPIRITO. Chaves e Chapolin

O portal sobre Chespirito mais atualizado do Brasil

Papo Chavesmaníaco: Antonio Felipe

Antonio Felipe tem história no “meio CH”, meio que ele começou a frequentar em 12/06/2003. Mora em Porto Alegre/RS, onde está com 22 anos e trabalhando como assessor de comunicação. Antonio já foi moderador do “Fórum Único Chespirito” e atualmente é administrador do “Fórum Chaves“. É também autor do livro “O Diário do Seu Madruga” e ex-webmaster dos sites “Chiquinha Brasil” e “Casa CH”. Já participou também do “ChespiritoBR“.

01. O que fez você gostar das séries CH? Gosta desde pequeno?
Antonio Felipe: Assisto Chaves e Chapolin desde 1996, aproximadamente, mas diria que a partir de 1999 que me tornei um espectador assíduo. Mesmo com a seguida repetição das séries, sempre gostei dos episódios, o humor de Chespirito me cativou, especialmente pela universalidade e atemporalidade das histórias e piadas.

02. Prefere Chaves, Chapolin ou Chespirito?
AF: Chapolin. Adoro Chaves, mas sempre gostei mais de ver as diferentes histórias e cenários do Polegar Vermelho.

03. Qual o seu episódio preferido do Chaves? E do Chapolin?
AF: Do Chaves: “Era uma vez um gato”, um roteiro simplesmente perfeito, um impiedoso tiroteio de piadas, principalmente no primeiro bloco. Do Chapolin: “Nós e os Fantasmas”, história perfeita de tão surreal e surpreendente.

04. O que achou da volta dos “episódios semelhantes”?
AF: Incrível e ao mesmo tempo esperado. Dada a grande repercussão que Chaves vem tendo nos últimos anos, um movimento assim por parte do SBT não seria nenhum absurdo. É tudo uma estratégia muito bem pensada da emissora, que embora já estivesse ciente da força da série para a audiência, sabia que a volta desses episódios poderia lhe render bons frutos. Por outro lado, é uma surpresa ver que episódios como “O Primo do Seu Madruga” e “O Festival da Burrice” estão no ar. Isso traz de volta à minha mente o MAPCCH, Movimento Achados e Perdidos Chaves e Chapolin, lá de 2000. Uma luta dos pioneiros do “meio CH” que está chegando ao fim, de certa forma.

05. Dê sua opinião sobre os episódios CH sem confirmação de existência.
AF: A maioria desses episódios são pura invencionice. Algumas pessoas citam episódios perdidos no mundo todo que teriam sido exibidos em 2000, até 2005! Que tolice! Uma visita rápida à lógica desmonta toda essa bobagem. Boa parte desses episódios são apenas confusões ou pura mentira, para chamar a atenção ou tentar integrar-se aos fóruns durante certas discussões. Relatos de exibições anteriores a 1999 são mais fiáveis. Posterior a esse ano, dou 90% de chance de ser uma mentira.

06. Prefere ver episódios CH dublados ou no idioma original?
AF: Ver dublado é sempre melhor, especialmente se você não domina algumas manhas do espanhol. Mas nos últimos anos, tenho aprendido a gostar de ver CH na versão original.

07. Lembro-me de seu empenho para acabar com o “flood” nos fóruns por volta de 2006 e 2007. É verdade que, antes disso, você já foi um “flooder”?
AF: Sim, é verdade. Eu gostava muito de postar, apenas para aumentar meu contador. Fui suspenso em 2004 por isso e depois de algum tempo, mudei meus conceitos e passei a abominar o flood. Fui muito criticado por minha ação intransigente contra o flood, mas meus métodos já se mostraram corretos em vários momentos e com vários usuários.
Correção: não se começa frase com próclise, o correto é “Lembro-me”. (mas o bom negro e o bom branco dizem todos os dias: “me dê um cigarro”)

08. Tal empenho ajudou a te dar os cargos de moderador do FUCH e administrador do Fórum Chaves?
AF: Minha mudança de personalidade sem dúvida colaborou para que eu chegasse à moderação do FUCH. Quanto ao Fórum Chaves, foi a experiência acumulada e a competência com a qual desempenhava minhas funções, modéstia à parte.

09. Já esteve envolvido em alguma polêmica no “meio CH”?
AF: Inúmeras. Vou demorar muito tempo escrevendo todas e algumas, sequer me recordo.

10. Pelo seu jeito satírico e mandão, ou podemos dizer, realista, chegaram a fazer uma userbar com a frase “Eu tenho medo do Antonio Felipe”. O que achou da brincadeira?
AF: Dou razão aos que fizeram a userbar, na época (2008) eu era excessivamente tirano. Hoje vejo como um bom motivo para dar risada.

11. Comente sobre o livro “O Diário do Seu Madruga”.
AF: Não existe nada no meio CH comparado ao “Diário do Seu Madruga”. Não é arrogância, mas sim uma constatação. Uma fanfic que tomou rumos maiores do que eu imaginava e se tornou um livro na devida acepção da palavra. 100 capítulos e um epílogo, escritos ao longo de três anos. Tenho muito orgulho do Diário, foi aprovado por muitos fãs e espero vê-lo publicado como livro de fato.

12. Você é a favor da união de todos os fóruns sobre Chespirito em torno de um único?
AF: Só se for em torno do Fórum Chaves. Entretanto, isso é algo bastante difícil, para não dizer impossível de acontecer. Hoje eu diria que isso é uma utopia. Além disso, alternativas são importantes. Quando tivemos a chance da unidade, isso não aconteceu pela intransigência e egocentrismo de uma pessoa. Já que estamos assim há três anos, que fique assim.

13. Porque deixou de participar de sites CH?
AF: Cansaço, falta de tempo para contribuir com os sites e a pouca valorização do que se faz. Ainda tenho o desejo de escrever colunas ocasionalmente, mas ser fixo em um site além do Fórum Chaves, não mais.

14. Porque acha que foi escolhido como o “melhor moderador de 2011” do FCH?
AF: Fiz grandes coisas para o Fórum Chaves e o meio CH como um todo em 2011. Trabalhei muito para consolidar o FCH como o maior fórum CH da internet. Se hoje o FCH tem a repercussão e força que tem, deve-se muito ao que fiz em 2011. A citar alguns exemplos: a parceria com a Televisa para o Show do Chaves, a parceria com as Camisetas Punch, a parceria com o Fã-Clube, o apoio do FCH ao 4FunFest… Tudo isso teve minha participação direta para que acontecesse.

15.Tem algum ressentimento da minha época de 2006 nos fóruns, onde ocorreram algumas confusões?
AF: Não. Nem lembro de muita coisa da época, sinceramente.

16. Comente o fechamento do site MegaUpload.
AF: Ridículo, arbitrário e desmedido. Um duro golpe em toda a internet e especialmente, nos sites CH, que perderam muito do seu acervo. Burrice sem tamanho dos Estados Unidos, achando que vão acabar com a pirataria fechando um site.

17. Do que gosta, na TV, além de CH?
AF: Hoje em dia, quase nada da TV. Praticamente não vejo TV, quando muito, jornalísticos e séries. “House” é minha série preferida, no caso.

18. Gosta de esportes? Torce para qual time?
AF: Gosto de futebol, vôlei e fórmula 1. Torço para o Grêmio, de Porto Alegre.

19. Gosta de que tipo de música?
AF: Rock, heavy metal, indie, folk, metal progressivo, jazz e mais um tanto de coisas. Curto muito Dream Theater, System of a Down, Metallica, The White Stripes, Arcade Fire, Iron Maiden, The Dead Weather, Kraftwerk, Norah Jones, Pink Floyd e por aí vai.

20. O que achou do Site da Bruxa blog “Vizinhança do Chaves”?
AF: Um blog interessante, tem futuro no meio CH.

Obrigado pela entrevista. Abraço.

Por Victor235

14 Comentários

  1. Poderia me entrevistar aqui esta minha conte no fórum chaves http://www.forumchaves.com.br/memberlist.php?mode=viewprofile&u=6563

    • victor235

      No momento não estamos fazendo entrevista. Mas a coluna “Papo Chavesmaníaco” voltará.

Trackbacks

  1. Resposta Dobrada: Vinícius Maux e VINICIUS-CH « .: Vizinhança do Chaves :. O portal sobre Chespirito mais atualizado do Brasil – Chaves e Chapolin
  2. Meio CH II: Volta, Chapolin; Eleições no FCH e Guerra de Vídeos « .: Vizinhança do Chaves :. O portal sobre Chespirito mais atualizado do Brasil – Chaves e Chapolin
  3. Vizinhança do Chaves completa um ano no ar « .: Vizinhança do Chaves :. O portal sobre Chespirito mais atualizado do Brasil – Chaves e Chapolin
  4. Análise: Fórum Chaves entrevista Rubén Aguirre « .: Vizinhança do Chaves :. O portal sobre Chespirito mais atualizado do Brasil – Chaves e Chapolin
  5. Fã realiza campanha para que Chespirito se reconcilie com outros atores « .: Vizinhança do Chaves :. O portal sobre Chespirito mais atualizado do Brasil – Chaves e Chapolin
  6. Fãs viajam para o México, conversam com Chespirito e gravam série de vídeos « .: Vizinhança do Chaves :. O portal sobre Chespirito mais atualizado do Brasil – Chaves e Chapolin
  7. O Maior Chavesmaníaco da Internet: Fase final | .: Vizinhança do Chaves :. O portal sobre Chespirito mais atualizado do Brasil - Chaves e Chapolin
  8. Fabão: “O meio CH ainda tem lenha para queimar, mas em algum momento começará a encolher” | .: Vizinhança do Chaves :. O portal sobre Chespirito mais atualizado do Brasil - Chaves e Chapolin
  9. Valette Negro: “Tentarei educar meus futuros filhos nos fóruns CH e com os episódios [das séries]“ | .: Vizinhança do Chaves :. O portal sobre Chespirito mais atualizado do Brasil - Chaves e Chapolin
  10. Antonio Felipe: “Sem mim, o meio CH como é hoje não existiria” | .: Vizinhança do Chaves :. O portal sobre Chespirito mais atualizado do Brasil - Chaves e Chapolin
  11. Antonio Felipe lança livro com ideia inédita e pretende seguir na carreira | .: Vizinhança do Chaves :. O portal sobre Chespirito mais atualizado do Brasil - Chaves e Chapolin
  12. Antonio Felipe comenta sobre o fim do VdC e o atual “meio CH”: “Força para nós que seguiremos. Um dia nossa hora chegará. O tempo é implacável.” | .: Vizinhança do Chaves :. DEFINITIVAMENTE CHESPIRITO. Chaves e Chapolin

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: